A verdade sobre o IRA – Grupo de Intervenção e Resgate de Animais

       O grupo IRA é um grupo de Intervenção e Resgate de Animais, localizado na zona Centro do nosso país. Ficou muito mais conhecido após as notícias da TVI sobre uma suposta acção terrorista com cabecilhas portugueses. Os que se interessaram em saber mais sobre o tema, viram que a reportagem foi deturpada a partir de um vídeo composto por ironia e sarcasmo sobre a sua actividade. Este blogue foi criado a pensar no bem-estar animal, com o intuito de melhorar a vida dos animais em Portugal a partir da informação. Não faria sentido não escrevermos um artigo dedicado a este grupo, por isso cá está ele.
IRA + grupo de intervenção e resgate de animais + blogue português de animais de estimação + vida de pet + pedro e telma
       Este grupo actua na zona de Lisboa, Oeiras, Amadora, Loures, Odivelas, Sintra e Cascais, fazendo pontuais acções em situações de gravidade (como por exemplo nos últimos incêndios vigorosos que se fizeram sentir em Portugal). O grupo não aceita donativos que não visem um projecto partilhado por completo, como é o caso do Hércules, um camião totalmente adaptado para apoio a animais de estimação que necessitem de auxílio médico. Criam ainda merchandising (nomeadamente autocolantes, t-shirts, sweats) que revertem a favor das despesas veterinárias, bem como para a aquisição de material para resgates e deslocações para os mesmos. Não escondem que já foram a acampamentos retirar animais maltratados, já que inclusivamente criaram um canal de youtube para o expor. 
       Não actuam encarapuçados. Encarapuçam-se nas redes sociais ou nas entrevistas que deram em televisão, mas não desfocam rostos nas fotos ou vídeos. Preferem manter o anonimato a ter que passar na rua e ter as 190 mil pessoas que seguem a página a denunciar casos, a querer elegê-los a figuras públicas. Não é isso que pretendem. O que querem é ajudar os animais. Se fossem criminosos ou mesmo terroristas como descrito na reportagem, então não estariam presos?! Se fizessem justiça com as próprias mãos, então para quê pôr processos às pessoas que maltratam animais?! Para quê filmar?! Se já se tinham vingado em modos físicos, para quê querer levar a polícia para os seus resgates?! Não faz sentido. Convidamo-vos a ver a reportagem da TVI sobre o IRA, mas depois a ver o vídeo completo da acção dos IRADOS em que se baseiam as primeiras imagens presentes de forma deturpada da realidade, numa suposta investigação do canal. Achámos vergonhoso que se deturpe a realidade, por isso cá estamos nós a dar-vos a conhecer a realidade tal como ela é. Caso queiram acompanhar o trabalho deste grupo podem seguir a sua página de facebook, onde estes se mostram disponíveis para responder às dúvidas que possam existir. A verdade é que quando se faz uma reportagem de investigação deve ouvir-se e mostrar-se ambas as partes colocadas em contraste; deve-se mostrar a verdadeira acção exposta e não deturpar um vídeo sarcástico e irónico para transmitir a mensagem que se pretende transmitir.
        Convidamo-vos a procurar perceber porque é que resgataram animais. Em que estado estariam esses animais? Alguma vez foi referida esta realidade?! Não. Para nós importa muito que não existam animais presos por correntes que lhes cortam a pele e os asfixia; é importante que não existam animais presos em varandas minúsculas sem comida ou bebida; é importante que não se maltratem animais como se fossem um mero objecto. São seres vivos!! Sentem a dor, o frio, o calor e têm necessidades básicas. Alguém tem que lutar por quem não tem direito a voz…
       O próprio grupo recrimina quem usa o seu nome para ameaças ou violência. Qualquer um de nós pode fazer um vídeo em nome de qualquer grupo ou pessoa, se bem o entender. Ninguém está livre de ver a sua realidade deturpada. Devemos ter isto em conta. Salientamos que por alguma razão a reportagem da TVI aumentou tanto a ajuda dada a este grupo que aumentou o número de apoiantes. Aumentou porque as pessoas se recusaram a ser alimentadas pelo contexto que lhes dão e procuraram a realidade. E assim surge o aumento de apoios para o IRA que terá as suas instalações em Lisboa, na freguesia da Penha de França, onde terão:
  • Um centro de atendimento Médico-Veterinário (CAMV);
  • Uma creche canina;
  • Serviços de banhos e tosquias;
  • Serviços de Pet-sitting e passeios para cães;
  • Um serviço de adestramento/ treino para cães;
  • e ainda uma loja de merchandising do IRA.
       Todo este novo projecto visará financiar a plataforma de sustentabilidade do IRA, deixando de funcionar a partir de donativos para o desempenho das suas funções. A par disso, poderão ainda deixar no local mantas, transportadoras, desparasitantes e bens alimentares, em situações de apoio descritas na página de facebook. O projecto Hércules avança a olhos vistos. Orgulhamo-nos muito de anunciar que em 2019 Portugal irá dispor de um autocarro totalmente equipado para socorro de animais, em todo o país, sempre que necessário. Claro que não é pertença do país, é do IRA, pelo que o grupo poderá ser proibido de agir. Num mundo justo nada disto seria necessário e os humanos não se comportariam de forma tão cruel que não há palavras para definir. Num mundo justo de facto não seria preciso haver IRA. No mundo em que vivemos, no país em que vivemos, alguém tem que dar voz e lutar pelos direitos de quem não tem como o fazer. Agora digam-nos: acham que é um acto terrorista salvar animais maltratados?! Qual a vossa opinião sobre o assunto?
Se gostaste do artigo, segue-nos no facebook e instagram.

Se quiseres ler mais, então não te esqueças de o partilhar e/ou comentar com a tua opinião.

Se gostaram de ler este artigo, sugerimos a leitura de:

⤳ O testamento de um cão que todos conhecemos;

No Comments

Leave a Reply

About Me

Este é um blogue dedicado exclusivamente a animais de estimação, com o objectivo de melhorar a sua qualidade de vida. Sabe mais sobre nós.

Vida de Pet

Redes Sociais

Subscribe to our Mailing List

Get the news right in your inbox!

Privacy Policy

Popular Links

Categories

×